Por que o nariz do Pinóquio cresce?

jOVE

Por Lucia Rodrigues, SRC

Todo mundo conhece a história do Pinóquio. Ele era apenas um boneco de madeira que queria virar menino de verdade. Passa por diversas aventuras em busca do seu pai, da fada azul e da mágica perdida que poderá transformá-lo em um ser humano.

O fato mais conhecido sobre o Pinóquio é que seu nariz de madeira sempre cresce quando ele fala uma mentira. Isso faz com que ele entre nas maiores enrascadas porque não consegue esconder de ninguém quando faz algo errado. Mas o que isso quer dizer?

Bom, seria engraçado se os narizes de todas as pessoas crescessem quando falam uma mentira. Talvez isso invertesse totalmente o jeito com que levamos a vida. Contudo, na verdade, de alguma maneira misteriosa e difícil de entender, nossos narizes crescem sim quando dizemos uma mentira.

Parece loucura, mas é isso mesmo. Quando mentimos, de alguma forma nosso jeito de ser, nosso olhar e a expressão de nosso rosto deixam escapar a mentira, por mais mentirinha que seja. Já reparou que as mães conseguem perceber quando isso acontece com seus filhos, na maioria das vezes? Como isso pode ser? Isso é incrível, mas as mentiras se mostram aos demais até pelo palpitar de nossos corações.

O Pinóquio tinha um grande amigo – o Grilo Falante. Esse grilo ficava dizendo para o boneco o que era certo e o que era errado. Verdade que nem sempre Pinóquio o escutava, mas o grilo estava sempre por perto lhe apontando o caminho. Assim, cada um de nós também tem uma vozinha interior que nos diz que devemos ser verdadeiros e agir do jeito certo.

Por isso é que sempre demonstramos de alguma forma quando estamos mentindo – assim como o nariz de madeira do Pinóquio. Nem sempre é fácil ser honesto e falar a verdade, mas é isso que é esperado de nós. Precisamos encontrar a coragem do cavaleiro e sempre agir de forma honesta e verdadeira. A mentira e a falsidade são um terrível dragão negro que precisamos derrotar.

Bibliografia sugerida:
APROSIO, Alessio Palmero. Pinóquio no País dos Paradoxos. 2014. São Paulo, Editora Zahar. (Adultos e Crianças)
COLLODI, Carlo. As Aventuras de Pinóquio. 2012. São Paulo, Editora Cosac Naify. (Crianças)